RSS

Haddad deixará um legado. Prefeitura é outra história

19 jan

Se existe uma qualidade latente em Dilma Roussef e Luiz Inácio Lula é saber reconhecer a competência alheia. Lógico, é precisa de vez em quando agradar aos aliados, mas perceba que geralmente os postos chaves são ocupados por pessoas com capacidade para exercerem suas funções.

Veja o caso do ministro da Educação, Fernando Haddad. Tem contra si as confusões registradas nas provas do Enem, mas sua gestão será marcada pela proliferação de um conceito básico e que parecia perdido: Educação é para todos.

Ao incentivar a adoção do Prouni, construir faculdades federais e destinar atenção para creches e a educação básica, o ministro conseguiu trazer o ministério para a realidade do dia a dia e das necessidades de pais e estudantes. É um mérito, não há como negar. Porém, é bom que se esclareça: campanha eleitoral é outro estágio e o desafio do ministro e provar que poderá levar o conceito de universalidade a todos os cantos da cidade de São Paulo. É bom que se prepare, a guerra vai começar…

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 19 de janeiro de 2012 em Uncategorized

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: