RSS

Os bastidores do futebol fervem…

30 mar

Uma noticia publicada na edição de hoje da Folha de São Paulo deveria chamar atenção de quem defende o planejamento e o profissionalismo no futebol. O novo presidente da CBF, José Maria Marin, coloca-se contra a formação da Liga de Clubes, mas quer colaborar para a reconstrução do Conselho Técnico, que abrigava todos os clubes e foi desmanchado por Ricardo Teixeira após a avalanche de denuncias em 2001.

Por outro lado, Teixeira aproveitou a ocasião para instituir um dos únicos pontos positivos de sua gestão: a fórmula de disputa pelos pontos corridos.

Agora, seja qual for a nova conjuntura do futebol brasileiro, não há cenário claro sobre o modelo de futebol que desejam os clubes. Afinal, sabemos que alguns clubes médios e pequenos reclamam da disparidade criada a partir dos pontos corridos. É verdade. Mas temo que, ao invés de discutir a forma de divisão das cotas de televisão, queiram discutir a formula de disputa, o alicerce que trouxe um pouco de transparência ao futebol brasileiro. O temor é justificado, especialmente porque coerência não é forte no futebol brasileiro.

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 30 de março de 2012 em Uncategorized

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: